No limite da razão

19:03:00

Passei 2 fins de semana seguidos afundada nos livros " Bridget Jones", li os 2, depois de ler quase 900 pags dessa mulher que muitas vezes se fundia a mim, aos meus sonhos, e as minhas neuroses.
Terminei essa história desejando ser uma londrina, boêmia e solteira.
O engraçado como procuro ler livros profundos e cheios de teorias e os que mais me prendem são esses tipo diário, ou uma história real de um jovem tetraplégico (Feliz Ano Velho), o qual terminei apaixonada pelo autor.
Sou mesmo uma louca. argh
-
Mas se for uma louca tipo a Bridget, e terminando a história com um Mark Darcy tá valendo!
--
Pra quem gosta de uma leitura desinteressada e relaxante, vale ler esses livros!

You Might Also Like

0 comentários