um anjo

19:13:00


No íntimo mais seu, ela sempre quis ser um anjo.


E ela era.
Talvez um exemplar sem asas, que não conhecia o céu de perto, e que não falava a língua dos anjos.
A menina sabia que sua alma incandescente fazia dela especial, ímpar e distante daqueles que julgava normais,
dos seus olhos caiam um brilho distinto, na sua imagem vinha derramada histórias de perseverança.

era um anjo,
Com asas transparentes.
Com o céu nos olhos.

A menina era confusa, falava em sentimentos que os outros não conheciam,
suas lágrimas encontravam o chão,
e ninguém percebia.
Talvez porque ela fosse um anjo sem saber.

Era a lua sua companheira, as estrelas não permitiam que ela desistisse,
o sol nascia todos os dias por ela.
A chuva fazia questão de deixar tudo lavado,
as flores abriam em um dia especial para presenteá-la.
E em momentos de desilução, um senhor chamado Jesus vinha e colocava-a no colo, levando embora as angústias.
Todos amavam a menina,não que não amasse os outros,
amavam sim.
Ela não era o único anjo,
a diferença estava porque mesmo enxergando o cinza dos dias nublados,
ela sabia que o sol iria voltar,
e acreditava com todas as forças do seu coração na imensidão da justiça divina.

" ela acreditava em anjos, e porque ela acreditava, eles existiam."



* A impossibilidade das coisas existirem está em quem acredita,
se o seu coração confia,acontece.
O tempo é aliado daqueles que permitem
que o amor toque o seu coração.

You Might Also Like

0 comentários