besteirinhas

17:50:00




Felicidade às vezes é coisa besta. 
Chega sem aviso. 
Sai sem deixar recado. 
Um pouco mal educada, mas esperada. 
Isso é. 
Mexe com um monte de sensações dentro da gente, 
uma coceirinha na barriga, 
uma vontade de suspirar.
 Parece com paixão, 
mas estou falando de felicidade. 
Tem gente que precisa de coisas gigantescas para sentirem felicidade, 
já outras precisam de muito pouco, 
quase nada. 
Todo mundo diz muita coisa, escreve livros com receitas infalíveis, 
contam o segredo 
e a discussão não tem fim, 
enche o saco. 
E de tanto falar, 
parece que esqueceram até de serem felizes mesmo.
Coisa mais engraçada.

Marília Macedo


You Might Also Like

2 comentários

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Gênia! oO' Isso era tudo que eu queria ler. E de uns dias para cá, procurando nos meus acervos de Drummond, eu não achei nada igual... tão crítico e tão singelo. Que quando acaba, traz, realmente, um adjetivo que você gosta(reparei): plenitude! ;)
    Parabéns!

    ResponderExcluir