15:08:00


A busca


Hoje vim de coração aberto pra falar um monte de coisa, que eu escondo, para não parecer tão esquisita diante das outras pessoas.
Desde pequena não me encaixo nos padrões, brincava sozinha, desenhava estrelas(todas tortas,mas desenhava!), inventava histórias, assistia o mesmo episódio de "Punk,a levada da breka" milhões de vezes sem me cansar, escutava Leandro e Leonardo, escrevia sobre casos policiais e tinha medo de não irem me buscar na escola.
No meu coração sempre teve espaço para os amores plantônicos, para palavras não ditas e pela busca pelos sonhos.
É verdade, nunca fiz questão que me achassem "normal",queria mesmo me destacar, não queria passar despercebida,ser esquecida.
Fui eu mesma, e quando não era, vazia o meu máximo.
Conquistei espaço, algumas pessoas me admiram, eu gosto do que eu sou, o que me machuca é ser incompreendida pela maioria da pessoas.
Antes não doía tanto como hoje.
Eu tenho que fazer uma escolha diária, ou acredito em mim, ou me junto a maioria, e por estar escrevendo aqui essas coisas, já sabe minha escolha,né?
Por mais que machuque, que canse, que sufoque, eu prefiro manter essa idéia de falar o que penso, de usar minha criatividade, de ousar nas cores, não nego um pedido, não finjo um olhar.
Passo pela adolescência de forma diferente como eu imaginava na infância, não esperava ser tão baixinha e mudei de escola.
Minha vida, me orgulha muito. Sei do quanto eu já errei, mas sei também que luto para acertar.



Chega de egocentrismo, falar de mim me cansa. Prefiro observar as pessoas, não é a toa minha escolha pela psicologia.
Na verdade, é aquele meu velho companheiro: o medo!
Mas deixa isso quieto, outro dia falo mais sobre ele.
Graças a Deus eu escrevo, é um alívio.
E escutando aquele cantor que amo, termino isso aqui.
Fabio Jr: Obrigaduu!



Sempre que eu me pego
Contando Estrelas no céu
Fica uma pergunta na minha mente
O que eu faço nesse mundo?
Qual é o meu papel?
Pra onde é que vai a vida da gente?
Não é por acaso que a gente vive aqui neste mundo
Existe uma razão maior
E eu quero saber antes do fim
Saber quem sou eu, pra onde vou, de onde vim
Fábio Jr

You Might Also Like

0 comentários